Telefone de marcação: (71)3352.8800 Horário: 07 às 19h

Dicas


Muitas mulheres têm medo ou receio de se auto-examinar, mas esta é a maneira de se descobrirem os tumores de mama nas fases iniciais. 

Faça o exame no oitavo dia após o início do fluxo da menstruação. Se você não menstrua mais, marque um dia do mês, por exemplo, dia primeiro, e faça o exame sempre neste dia. A finalidade do exame não é encontrar alguma coisa, mas acostumá-la a examinar a sua mama. 

Quanto mais você o fizer, mais passará a conhecer a sua mama o que permitirá qualquer mudança seja logo notada e o seu médico seja prontamente avisado 



 

Orientações para o Auto-exame:


NO ESPELHO Coloque as mãos na cintura e observe o formato, tamanho e contorno de suas mamas. Observe se são mais ou menos iguais e simétricas (é normal haver uma discreta assimetria). Veja se existem pregas, depressões ou alterações na pele da mama, aréola e papila (mamilo). Coloque as mãos para o alto e fique atenta às características da pele e à uniformidade. É uma oportunidade única de observar sua simetria mamária. Observe se as mamas estão alinhadas, assim como as aréolas e papilas. Eles deverão sempre estar na mesma linha. Observe se o sutiã faz marca só em uma mama, e qual é o local para verificar se há edema (inchaço). 

MOVIMENTOS CIRCULARES Devem ser executados com os dedos da mão contra-lateral, da parte externa superior da mama (perto da axila) em movimentos circulares concêntricos em relação à papila, de modo firme e delicado. 

PAPILAS (MAMILOS) E ARÉOLAS Pressione suavemente os mamilos e observe com cuidado a presença de secreções e a presença de lesões na sua pele sensível, assim como nas aréolas. 

AXILAS Elas também fazem parte do tecido mamário e devem ser examinadas do mesmo modo que as mamas, com as polpas dos dedos, à procura de abaulamentos ou caroços na região. 

DEITADA Coloque um apoio sob o ombro direito (pode ser um travesseiro ou toalha) e a mão direita atrás da cabeça. Examine sua mama direita com a mão esquerda, repetindo os movimentos circulares. Repita esse passo com o lado esquerdo. 

NO CHUVEIRO Ensaboe bem as mamas e axilas, assim suas mãos deslizarão melhor o que facilitará o exame. Coloque o braço atrás da nuca, coluna reta e com a ponta dos dedos percorra todas as áreas da mama em movimentos circulares de fora para dentro, procurando por espessamentos ou caroços. Use a mão direita para examinar a mama esquerda e vice-versa.

Adesivo anticoncepcional


O adesivo anticoncepcional contém os mesmos hormônios que a maioria das pílulas anticoncepcionais e deve ser colado na pele permanecendo nesta posição durante uma semana. 

A maior vantagem é que a mulher não precisará tomar a pílula todo dia e nem esquecerá. Outra vantagem é que os hormônios serão absorvidos diretamente pela circulação evitando alguns efeitos colaterais desagradáveis da pílula oral. 

Para iniciar o tratamento o adesivo deve ser colocado no primeiro dia da menstruação.

Este adesivo deve ser colado e permanecer na pele por uma semana. 

A cada três semanas deve-se fazer uma pausa de uma semana

Anel vaginal

O anel vaginal contem Etonogestrel e Etinilestradiol, que são os mesmos hormônios da maioria das pílulas anticoncepcionais. 

É colocado na vagina no 5º dia da menstruação, permanecendo nesta posição durante três semanas. A maior vantagem é que a mulher não precisará tomar a pílula todo dia e nem esquecerá. 

Outra vantagem é que os hormônios serão absorvidos diretamente pela circulação evitando alguns efeitos colaterais desagradáveis da pílula oral. É um método conveniente, pois só precisa ser aplicado uma vez ao mês. 

Você mesma coloca e retira o anel, conferindo controle sobre o método contraceptivo. É um método discreto, ninguém precisa saber que você está usando. Tão eficaz quanto as pílulas combinadas mais modernas e com doses mais baixas de hormônios. 

Não causa desconforto, pois é um pequeno anel flexível de superfície lisa, não porosa e não absorvente, que é inserido na parte superior da vagina, uma região bastante elástica e não sensível ao toque. 

Não interfere na relação sexual, a maioria das usuárias e de seus parceiros não sente o anel durante a relação sexual. 

Se você se interessou por este método contraceptivo vaginal e quer pensar em contracepção apenas uma vez ao mês, procure seu médico.

Você vai conhecer, na intimidade, o segredo de uma vida com muito mais conveniência e liberdade.
 

Camisinha

Também chamada de condom, preservativo, borrachuda, é a única maneira segura de fazer sexo despreocupado com doenças sexuais ou AIDS.

- Escolha uma marca boa. 
- Carregue-a sempre com você. 
- Abra delicadamente a embalagem. Cuidado para não furar a camisinha com suas unhas. 
- Deixe um pequeno espaço na ponta da camisinha. Isto é importante. 
- Apertando o espaço que você deixou com um dedo coloque a camisinha no pênis. 
- Desenrole até a base.
- Após o uso retire a camisinha. 
- Jogue no lixo. 

Camisinha é descartável. Nada de usar outra vez. 
Camisinhas lubrificadas são mais confortáveis e eficientes. Prefira as que têm espermaticida junto. 
Não use cremes, óleos, ou vaselinas. Se quiser usar um lubrificante use o Ky que é um gel especial para ter relações sexuais.

Camisinha Feminina

A camisinha feminina é um método novo no Brasil e pode ser encontrada nas principais redes de drogarias. 

Tem todas as vantagens da camisinha masculina. 

Deve ser usada pela mulher antes da relação e retirada logo após.
 



Diafragma

Diafragma é um pequeno anel de metal recoberto por uma película de borracha ou silicone que é colocado pela mulher dentro da vagina antes da relação e retirado 12 horas após. 

Ele impede que os espermatozóides entrem no útero. Uma das vantagens do diafragma é sua discreção. 

Só você sabe que está usando. Inicialmente o tamanho do diafragma deve ser medido por um médico. A duração do diafragma é muito grande, bastando cuidados de conservação. Para ser eficiente ele tem de ser usado junto com um creme espermaticida.

DIU


O DIU ou Dispositivo Intra Uterino é uma pequena peça de plástico recoberta com cobre que é colocado dentro do útero. 

O Diu é tão eficiente quanto a pílula e é uma boa escolha para aquelas mulheres que já tem filhos e que desejam espaçar a próxima gravidez por mais de dois anos, ou para aquelas que tem dúvidas sobre uma solução definitiva. 

Os Dius mais modernos duram de 5 a 10 anos no organismo da mulher. São colocados dentro do útero pelo médico e é necessário que a mulher faça controle periódico do Diu. Nem sempre mulheres que não tiveram filhos se adaptam bem ao Diu. 

Os DIUs atualmente usados são à base de fios de cobre que destroem os espermatozóides dentro do útero não permitindo portanto a fecundação.
 

Injeção Anticoncepcional

As injeções anticoncepcionais devem ser injetadas na região glútea ou nádegas. Deve ser usada uma agulha 30 x 8 e a injeção deve ser profunda e o local não deve ser massageado.

Existem três tipos de anticoncepcionais injetáveis: Uno-Ciclo e Perlutan, Mesigyna e Cyclofemina, e Depo-Provera 150. 

Para o Uno-Ciclo e Perlutan a injeção deve ser feita no 8º dia da menstruação. Sempre considerar o início da menstruação como o primeiro dia. 

Para a Mesigyna e Cyclofemina, a primeira injeção deve ser feita no 1º dia da menstruação e dai em diante a cada 30 dias. 

Para a Depo-Provera 150 ou Tricilon a data ideal é o mais próximo possível da menstruação e dai em diante a cada três meses. 

Para Uno-Ciclo, Perlutan, Mesigyna e Cyclofemina as vantagens e desvantagens são as mesmas da pílula anticoncepcional. 

Para a Depo-Provera 150 oferece a vantagem de ser aplicada a cada 3 meses, mas a desvantagem de provocar ausência de menstruação e a fertilidade demorar um pouco para voltar. 

As principais indicações das injeções são para as mulheres que esquecem a pílula, que não podem tomar a pílula via oral, e para as mulheres que tem de esconder o anticoncepcional. Somente o seu médico pode receitar injeções anticoncepcionais para você.

 

Pílula anticoncepcional

A pílula anticoncepcional é um dos melhores métodos para se evitar uma gravidez indesejada. Existem diversos tipos de pílula porque existem diversos tipos de mulheres. 


Seu médico é a melhor pessoa para decidir que tipo você deve tomar. A pílula funciona através da ingestão diária de uma pequena quantidade de hormônios. 

Esta ingestão diária de hormônios, iguais aos que você normalmente tem, acaba enganando o sistema de regulação do seu organismo que imagina uma gravidez. 

Com isto é inibida a ovulação. Os óvulos não são mais liberados pelos ovários e você não engravida. Ao final de uma cartela a parada da ingestão dos hormônios causa uma menstruação. 

Em maio de 1999 foi lançada a pílula vaginal para as mulheres que enjoam muito com o anticoncepcional oral. 

Trata-se de uma descoberta do médico brasileiro Elsimar Coutinho. 

Em março de 2001 foi lançada a pílula sem estrogênio, uma nova revolução na anticoncepção hormonal.

 

Vasectomia e Ligadura de trompas

A vasectomia é a ligadura dos canais deferentes no homem. É uma pequena cirurgia feita com anestesia local em cima do escroto (saco ). 

Não precisa de internação. É uma cirurgia de esterilização voluntária definitiva e, por isto, o homem tem de ter certeza absoluta que nunca mais poderá ter filhos. 

A ligadura de trompas é realizada nas mulheres que nunca mais querem filhos. 

Pode ser feita de várias maneiras mas sempre exige internação e anestesia geral ou regional. É uma cirurgia de esterilização voluntária definitiva e, por isto, a mulher tem de ter certeza absoluta que nunca mais poderá ter filhos.

Nosso endereço

Itaigara
Avenida ACM, 237,Ed. Prof. Carlos Aristides Maltez Itaigara - Salvador/BA (71) 3352.8844

Canela
Rua Cláudio Manoel da Costa, 58 Canela - Salvador/BA - (71) 3183.3344

Litoral Norte
Av. Luís Tarquínio Pontes, 1635, Pitangueiras - Lauro de Freitas/BA (71) 3352-8800

Diretor Técnico: Dr. Airton Ribeiro da Silva Filho - CRM: 10652
Horário de Funcionamento

Canela e Litoral Norte - 7h às 19h / Itaigara - 7h às 21h

Mapa de Localização

Exibir mapa ampliado